Zeca cobra explicações do governador sobre atraso em repasse para hospitais

O deputado estadual Zeca Viana (PDT-MT) apresentou nesta terça-feira (16.01) um requerimento para que o governador Pedro Taques (PSDB) e o secretário Luiz Antônio Soares expliquem o montante devido aos hospitais filantrópicos de Mato Grosso, que sofrem com o atraso nos repasses do governo estadual. “A gente sabe que estamos diante de um governo que até hoje não cumpriu uma vírgula sequer, nem das promessas do mandato nem da campanha. Se ele não honrar com a Saúde nesse restante de mandato, ele [o governador] vai ter um calo muito grande, que serei eu no pé dele, porque eu acho que um homem tem que honrar seus compromissos. Falou, tem que ser cumprido”, disse Zeca. Atualmente os filantrópicos são responsáveis por 85% dos atendimentos aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) em Mato Grosso, mas algumas unidades de saúde apontam atrasos de até nove meses nos repasses do governo estadual. A Santa Casa de Cuiabá, por exemplo, diz não receber repasses do Estado desde março de 2017, e também não recebe o aporte às Unidades de Tratamento Intensivo (UTI) do SUS desde outubro. Segundo informações do jornal ‘A Gazeta’, somente a dívida da Santa Casa já soma R$ 8,9 milhões. Frente ao atraso do estado, os funcionários dos hospitais filantrópicos de Cuiabá deflagraram greve nesta segunda-feira (15), paralisando o atendimento nas UTIs do SUS. “Ora, o que esse governo está fazendo é um absurdo, está jogando com a vidas de milhares de mato-grossenses que necessitam de atendimento médico. Isso é inadmissível”, revoltou-se Zeca. Os atrasos de repasses também atingem os hospitais filantrópicos do interior do Estado. A Santa Casa...

Mato Grosso será o primeiro estado do Brasil a oferecer equoterapia pelo SUS

As redes públicas de saúde e de ensino de Mato Grosso poderão disponibilizar a equoterapia às pessoas com deficiência. É o que prevê o Projeto de Lei nº 591/2015, de autoria do deputado Zeca Viana (PDT-MT), que inclui a equoterapia no rol de tratamentos terapêuticos dos sistemas públicos de saúde e de ensino. “É extremamente importante implantarmos a equoterapia no sistema educacional e no sistema de Saúde. Está cientificamente comprovado que é eficiente o método, porque dá um estímulo mais rápido ao paciente. Só quem tem um parente deficiente na família, e eu agora tenho um filho cadeirante, é que sabe como a equoterapiaé importante e boa”, disse Zeca. O projeto de lei havia sido vetado pelo governador Pedro Taques (PSDB), que alegou incompetência da Assembleia Legislativa para criar novas atribuições para as secretarias de Estado. Contudo, a tese do Executivo foi rechaçada pelo Parlamento, que derrubou o veto com 17 votos favoráveis e apenas um contrário. O líder do governo na Assembleia, deputado DilmarDal’Bosco (DEM) chegou a elogiar a iniciativa do deputado Zeca Viana e liberou a bancada governista para votar pela derrubada do veto. O projeto de lei também foi aclamado pelo presidente da Casa, deputado Eduardo Botelho (PSB). “Eu acho que é um projeto extremamente importante, por isso nós estamos liberando toda a bancada para votar pela derrubada do veto. Parabéns ao deputado Zeca Viana”, disse Dilmar. “Quero salientar aqui a importância desse projeto do deputado Zeca Viana para as pessoas que têm, dentro da família, uma pessoa com deficiência”, disse Botelho antes de iniciar a votação. Conforme a Associação Nacional de Equoterapia (Ande-Brasil), a equoterapiaé...