Sobre o Zeca

ZECA VIANA – José Antônio Gonçalves Viana

Perfil e breve biografia

José Antônio Gonçalves Viana, Zeca Viana, 61 anos, é empresário do agronegócio e nasceu em Ampere (PR). Devido ao seu histórico de vida, sentiu o anseio de servir à sociedade como porta-voz das comunidades, especialmente dos pequenos produtores rurais de Mato Grosso. É casado há 33 anos com Ivanir Maria Gnoatto Viana, vereadora eleita pelo PDT em Primavera do Leste, com quem tem três filhos e quatro netos.

De família humilde, que tirava da terra o sustento, Zeca Viana construiu reputação de homem trabalhador nas atividades ligadas ao campo. Entre seus primeiros trabalhos, atuou no Paraná e no Pará como vendedor de produtos agropecuários. Mudou-se para Mato Grosso em 1985, quando se estabeleceu em Primavera do Leste e começou a trabalhar como gerente de fazenda.

De atitude firme e positiva, Zeca sempre tirou lições dos obstáculos que a vida lhe impôs, tornando-se mais forte e construindo uma carreira de respeito e credibilidade. Tornou-se produtor rural, plantando soja e milho na região de Primavera do Leste, e se manteve na luta para o desenvolvimento do município a partir da expansão do agronegócio, colaborando assim com a geração de empregos e renda.

Tomou posse no primeiro mandato de deputado estadual em 2011, após ser eleito pelo Partido Democrático Trabalhista (PDT) com 16.695 votos. Conquistou a reeleição em 2014, com 35.300 votos. A principal bandeira de Zeca Viana é a fiscalização do governo para garantir a correta aplicação dos recursos públicos provenientes dos impostos, como forma de garantir políticas públicas eficientes e investimentos para o desenvolvimento de Mato Grosso.

Durante o primeiro mandado, entre 2011 e 2014, Zeca Viana cobrou investigações sobre os recursos públicos aplicados nas obras da Copa do Mundo em Cuiabá e Várzea Grande, apontando também os defeitos técnicos na execução das obras públicas, muitas das quais ainda seguem inacabadas.

Agricultor e conhecedor das dificuldades enfrentadas pelo homem do campo, Zeca Viana também dedica seu mandato a buscar incentivos, capacitação e melhorias para os produtores rurais, pequenos ou grandes, sem distinção de tamanho. É um ávido defensor das cadeias produtivas do setor, desde o pequeno produtor da piscicultura, pecuária leiteira e avicultura a médios e grandes produtores, como o setor florestal, suinocultura, soja, algodão, milho, pecuária de corte e agroindústria.

Presidiu a Comissão Permanente de Agropecuária, Desenvolvimento Florestal e Agrário e Regulamentação Fundiária em 2011. Para fortalecer a elaboração de políticas públicas para o setor, instalou, em 2016, a Frente Parlamentar da Suinocultura (FPS) e do Agronegócio (FPA). Liderando as frentes parlamentares, Zeca ampliou o debate sobre o desenvolvimento de Mato Grosso na Assembleia Legislativa, com temas como a Reforma Tributária, investimentos em infraestrutura e logística, o Fundo Estadual de Transporte e Habitação (Fethab) e o fortalecimento dos órgãos de suporte e de controle da produção rural.

Defensor da independência dos parlamentares, Zeca nunca aceitou posicionar-se como base governista ou oposição de qualquer gestor, atuando sempre em prol dos debates ampliados na Assembleia Legislativa, buscando manter o interesse da população acima das causas partidárias.

Durante seus mandatos, apresentou projetos de lei que buscavam consertar distorções sociais e que foram taxados como polêmicos, entre os quais se destacam:

  • Destinação obrigatória de 10% dos recursos arrecadados pelo Fundo Estadual de Combate à Pobreza para as Associações de Pais e Amigos de Excepcionais (APAE) e Pestallozi (Lei Complementar 527/2014);
  • Redução da alíquota de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) na energia elétrica usada na produção agrícola em até 100%, conforme as faixas de consumo (Objeto da Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 2181/2014, proposta pelo governador);
  • Fim da cobrança da tarifa de pedágio sobre os eixos suspensos dos caminhões que trafegam vazios pelas rodovias de Mato Grosso (em tramitação na Assembleia Legislativa);
  • Apresentação do projeto de lei que concede aos mototaxistas isenção de ICMS na compra da primeira motocicleta;
  • Moratória de cinco anos para pesca profissional nos rios de Mato Grosso, como forma de garantir o repovoamento de peixes e preservação da fauna;
  • Fixação da Unidade Padrão Fiscal de Mato Grosso (UPF/MT) nos moldes do indexador correto (Objeto da ADI 2181/2014, proposta pelo governador).

Sempre lutou contra a votação de projetos de lei às pressas, sem a devida participação dos setores envolvidos. Exemplo disso foram as posturas adotadas na votação da Revisão Geral Anual (RGA) dos servidores públicos, das peças orçamentárias do Executivo e da primeira proposta de Reforma Tributária.

Zeca Viana é presidente do diretório estadual do Partido Democrático Trabalhista (PDT-MT) e ávido defensor dos ideais brizolistas, de progresso pela Educação e de um governo justo e transparente, capaz de garantir políticas públicas aos cidadãos.